6 de fev de 2015

Fogos de artifício da natureza: as chuvas de meteoros


  
Assistir meteoros no céu a noite pode ser divertido, embora normalmente vejamos apenas alguns flashes por hora. Mas há certas épocas do ano em que se pode ver muito mais. Chamamos a esses eventos de “chuvas de meteoros”.

Essas chuvas de meteoros são causadas pela passagem da Terra através de fluxos de detritos deixados por cometas e asteroides quando se aproximam da nossa órbita. São tipicamente ativas por vários dias ou mesmo semanas, mas geralmente apresentam ápices pontiagudos curtos, ou "máximas", com as suas melhores taxas de visibilidade, em apenas uma única noite.

2015 promete ser muito bom para os apaixonados por meteoros! Ao princípio de cada mês faremos um post aqui no blog, dando dicas de como aproveitar melhor esses eventos, assim como outros eventos astronômicos previstos.

Mas quando poderemos observais as tais chuvas de meteoros, afinal de contas?
Agora em fevereiro já temos um evento previsto!

  
É Alpha Centauri, com sua máxima em 08 de fevereiro!

                                                                                                      
Alpha Centauri radiante às 4:00 da manhã, em sua máxima de 8 de fevereiro/15 – a representação baseia-se no céu de Perth, na Austrália. Usando o Stellarium (falamos sobre ele aqui), você pode fazer a busca adequada para a região/cidade onde você está!

Estendendo-se de 28 de janeiro à 21 de fevereiro, com um pico máximo em 8 de fevereiro, esta chuva é conhecida por produzir bolas de fogo de cores vivas, variando de poucos segundos a vários minutos.
Na maioria dos anos, a Alpha Centauri produz taxas relativamente baixas, sua máxima típica produzindo apenas seis meteoros por hora. Mas observadores em 1974 e 1980 relataram explosões com taxas de cerca de 30 meteoros por hora. Imaginem só!

Este ano, infelizmente, a lua deve dificultar muito as observações. Porém, a Organização Internacional do Meteoro (International Meteor Organisation) previu uma possível explosão em atividade, e pediu aos observadores para ficarem atentos.

Assim, apesar das condições pouco favoráveis, vale muito a pena dar uma olhada. Sobretudo, tendo em conta a frequência com que a chuva produz bolas de fogo brilhantes.


E o que mais rola no céu de fevereiro?
O CEAMIG (Centro de Estudos Astronômicos de Minas Gerais) oferece gratuitamente um Almanaque Astronômico Brasileiro. De lá, tiramos essas informações sobre os aspectos e fenômenos do céu esse mês!


Desses eventos, é importante ressaltar que os que envolvem Urano, Netuno e Plutão não podem ser vistos a olho nu, nem observados com equipamentos simples.

--- 
Tá sabendo?
O grupo “Astronomia no Vale do Aço” organiza observações astronômicas abertas ao público. Agora em fevereiro, no dia 7, teremos uma noite astronômica, com palestras e bate-papo sobre o céu. Se o tempo cooperar, também haverá observação com os telescópios do grupo, e orientação dos monitores para uma melhor visualização do que o céu tem para oferecer.  Será no CEFET-Campus Timóteo, Rua 19 de Novembro, Centro – pertinho da Rodoviária.

Acompanhem mais informações sobre o Astronomia no Vale do Aço também em nossa página do Facebook.

___________ 

Contribuição: João Carlos, aluno bolsista do Astronomia no Vale do Aço

Fontes:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...