28 de out de 2011

Nasa: cometa 'apocalíptico' se fragmentou e está insignificante


As últimas observações do cometa Elenin feitas pena Nasa - a agência espacial americana - indicam que a pedra de gelo se fragmentou em pedaços menores que são ainda menos significantes, anunciou a agência na terça-feira. A nuvem formada pelos restos do Elenin continuará o caminho original previsto através do Sistema Solar. Após isso, levará 12 mil anos para que vejamos novamente o cometa - ou o que sobrou dele.

O cometa foi descoberto em dezembro pelo astrônomo russo Leonid Elenin, da cidade de LinkLyubertsy. Desde então, Elenin (também conhecido pelo nome astronômico C/2010 X1) ficou conhecido na internet devido a especulações que diziam que a pedra de gelo seria responsável por desastres no nosso planeta - até terremotos - por causa do efeito gravitacional que ele exerceria. Os principais boatos foram refutados pela Nasa .

O cometa passou "próximo" à Terra em 16 de outubro e não fez nenhum estrago. "Elenin fez o que os novos cometas que passam próximos ao Sol fazem em 2% das vezes: ele quebrou", diz Don Yeomans, do Programa de Objetos Próximos à Terra, da Nasa. Antes de se fragmentar, o cometa tinha cerca de 2 km de poeira e gelo.


Fonte: Terra Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...